Conheça a Casa de Farinha

Men working to make Cassava flour
A casa de farinha é o local onde se transforma a mandioca em farinha, ingrediente usado na fabricação de diversos alimentos do Norte e Nordeste do Brasil. A matéria-prima para a produção de farinha de mandioca (jatropha manihot) é uma planta da família Euphorbia, um tubérculo conhecido cultivado e tradicionalmente usado pelos nativos brasileiros em produtos alimentícios.
 
A casa de farinha consiste em um sistema de ralação, um sistema de prensagem e um forno. Depois que a raiz é colhida, a mandioca é levada diretamente do campo para a casa de farinha, onde é descascada ou raspada para remover a pele escura e suja. É então triturada ou ralada em um pilão ou no ralador (caititu). A mandioca ralada cai em um cocho e depois é prensada em um cesto de palha cilíndrico (tipiti) para remover um líquido venenoso chamado ‘manipuera’ ou ‘manipueira’, comumente chamado água de mandioca, que é o resultado da fermentação. O procedimento também ajuda a enxugar a massa. Depois de peneirada e torrada, a farinha está pronta para o consumo.
 
A farinha de mandioca também é uma boa fonte de vitamina B6, manganês, magnésio e ferro. Pode ser um ótimo alimento para quem precisa de energia rápida para suas atividades. Por ser rica em carboidratos, converte-se rapidamente em glicose, o combustível essencial para todos os processos do corpo, como contração e recuperação muscular.
É pobre em gordura e é uma fonte de fibras. Não contém glúten e é uma fonte de triptofano e vitamina B6, dois dos nutrientes necessários para a produção de serotonina.
 
Os hóspedes do Xixuaú Amazon Ecolodge podem visitar a casa de farinha local e observar como esse importante e nutritivo ingrediente é fabricado.

Sorry, the comment form is closed at this time.

WhatsApp chat